Entenda o Repasse e Tributação no iFood para Restaurantes

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn

Se você é proprietário de um restaurante e está se aventurando no universo do iFood, é crucial compreender os detalhes do repasse e a tributação associada para garantir que suas finanças estejam em ordem. Neste blog, abordaremos os pontos fiscais relacionados ao repasse no iFood que voce deve ficar atento.

COMO FUNCIONA A RETENÇÃO DE IMPOSTOS NO REPASSE DO IFOOD?

Independentemente do regime de tributação do estabelecimento (como o Simples Nacional, Lucro Real ou o Lucro Presumido), o estabelecimento deve recolher o IRRF em nome do iFood pela prestação do serviço de intermediação, que gera a obrigação de recolhimento do IRRF sobre a nota fiscal do iFood. Ou seja, não importa seu regime tributário, se o valor do repasse do ifood ultrapassar R$666,67 o ifood irá repassar ao parceiro um valor adicional ao da comissão para que o parceiro recolha em nome do ifood o IRRF.

Observe o exemplo:

Valor total das vendas de um estabelecimento: R$ 10.000,00

Comissão do iFood: R$ 2.700,00

Imposto de Renda: 1,5% sobre a nota de R$ 2.700,00 = R$ 40,50

Valor Total da Nota: R$ 2.700,00

Valor Total do Repasse ao estabelecimento: R$ 7.340,50 (74,5%) 

Veja que o ifood fez um repasse de R$40,50 para o parceiro recolher no mês subsequente em DARF.

Portanto, muito cuidado ao receber valores do iFood. Certifique-se de enviar nas notas fiscais para sua contabilidade e não deixe de cumprir com sua obrigação tributária, evitando assim multas, apropriação indébita e problemas com o fisco.

Últimos posts

Como aumentar a restituição do Imposto de Renda? 

A temporada de declaração do Imposto de Renda não é apenas sobre obrigações fiscais, mas também sobre a aguardada restituição! Como garantir que você receba o valor devido? Neste artigo, vamos explorar em detalhes como ocorre a restituição do Imposto de Renda e o que você precisa saber para aproveitar ao máximo esse benefício.

não caia na malha fina

Malha Fina do Imposto de Renda: Entenda o Que É e Como Evitar

Você já se perguntou por que o termo “malha fina” causa tanto receio? Entender o que está por trás desse processo é crucial para evitar dores de cabeça e garantir uma declaração tranquila. A Esfera Contabilidade está aqui para guiar você nesse labirinto fiscal! 

Guia Completo: Como Declarar Imposto de Renda?

O período de declaração do Imposto de Renda é um momento crucial para milhões de brasileiros, Neste guia detalhado, vamos abordar passo a passo como realizar a declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) , além de destacar a importância de contar com o suporte de uma empresa especializada, como a Esfera Contabilidade.